Ampliar a luta em defesa dos direitos contra o ataques dos patrões e do governo

10/08/18

E fortalecer a mobilização pela reposição das perdas e aumento salarial Os patrões tentam avançar com sua reforma trabalhista para acabar com direitos, arrochar os salários e continuar com as demissões.


A cada dia se escancara que as reformas de Temer têm o único objetivo de garantir cada vez mais os lucros para o Capital e espalhar a miséria. O desemprego aumenta, os contratos informais se ampliam e nas fábricas o ritmo de trabalho aumenta e as condições de trabalho pioram.


Contra isso é preciso fortalecer a luta do conjunto da classe trabalhadora em cada local de trabalho, estudo e moradia, essa é única forma de impedir o massacre aos direitos trabalhistas e enfrentar a barbárie que tem provocado mais miséria, fome e violência.


Em todos os locais que estamos organizados, nós da Intersindical estamos empenhados em fazer ações unitárias com os Sindicatos e Organizações que têm como prioridade a organização da mobilização que fortaleça a construção da necessária greve geral no país e hoje, nesse dia 10 de agosto, estamos presentes nas manifestações em várias regiões do país que tem como objetivo principal enfrentar as reformas dos patrões e do governo.

+ notícias