O Metalúrgico #736

06 de outubro de 2023

Índice:

-Na próxima segunda, (09) e terça (10) tem assembleia da Campanha Salarial;
-VAMOS VOTAR NÃO PARA A PROPOSTA DA USIMINAS E SIM PARA O ESTADO DE GREVE;



Na próxima segunda, (09) e terça (10) tem assembleia da Campanha Salarial

VAMOS DIZER NÃO PARA A PROPOSTA INDECENTE DA USIMINAS E DAR MAIS UM PASSO NA MOBILIZAÇÃO


Fruto da pressão feita pelo Sindicato, a Usiminas anunciou no dia 02 de outubro que congelará o reajuste do plano de saúde nesse ano, mas já em janeiro de 2024 terá aumento no valor do plano.


A direção da empresa afirmou também em relação ao plano de saúde que não cobrará o retroativo em relação ao ano de 2023, mas novamente não disse de quanto será o aumento. No comunicado que publicaram na última segunda-feira, a direção da empresa tenta justificar o injustificável, pois ano após ano os reajustes do plano de saúde são absurdos e a qualidade do atendimento cada vez pior.


A Usiminas segue ganhando muito dinheiro com o plano de saúde, enquanto os trabalhadores sofrem com o arrocho salarial e pagam cada vez mais por um plano de saúde que atende cada vez menos.


Por isso seguimos lutando pelo congelamento do reajuste do plano de saúde.


A CAMPANHA SALARIAL NÃO ACABOU: É PRECISO DIZER NÃO PARA MAIS UMA PROPOSTA REBAIXADA DA USIMINAS


A proposta da Usiminas segue sendo a mesma, o que significa NÃO PAGAR NADA de aumento salarial. Veja:


- 3,83% de reajuste salarial significa apenas as perdas medidas pelo INPC, o que está longe, muito longe das perdas que temos nos últimos anos.


- Só nesse ano a inflação dos alimentos ficou em mais de 10% e a Usiminas propõe pagar um Vale-Alimentação de R$ 450,00, o que significa apenas R$ 2,00 a mais ao dia em relação a proposta anterior.


- Para os acionistas a realidade é outra: fizeram a festa com a distribuição feita pela Usiminas de R$644 milhões em dividendos no 2º trimestre.


É PRECISO BARRAR A AÇÃO DA USIMINAS QUE A CADA ANO IMPÕE MAIS ARROCHO SALARIAL E PARA ISSO É PRECISO REJEITAR A PROPOSTA DA EMPRESA


Se engana quem acha que é melhor aceitar a proposta da empresa fazendo uma conta errada que leva em consideração o que se receberá de retroativo, pois depois do pagamento do retroativo se verá que só 3,83% não significou NADA nos salários, a não ser mais arrocho. Já para Usiminas é mais lucro às custas de cada trabalhador.


Participe da assembleia, vote contra a proposta indecente da Usiminas e participe da mobilização organizada pelo Sindicato. A assembleia começará no dia 09/10 no turno A e continua nos horários de entrada do turno B, Administrativo e no turno C.


Não aceite a pressão das chefias, os chefetes não pagam suas contas, a Usiminas não está fazendo nenhum favor de pagar o seu salário, ele é um direito seu que trabalha e muito dentro da usina exposto à riscos graves para sua saúde.


ATENÇÃO: Os direitos como retorno de férias, adicional noturno de 50% são fruto da luta organizada pelo Sindicato. A ampliação dos períodos de licença e a diminuição do banco de horas também só estão na proposta do Acordo Coletivo por causa da pressão do Sindicato. Nada é uma concessão da Usiminas.



VAMOS VOTAR NÃO PARA A PROPOSTA DA USIMINAS E SIM PARA O ESTADO DE GREVE

Preste atenção: ao aprovar o estado de greve, ela não começará no mesmo dia, mas é importante para aumentar a pressão pelo devido aumento salarial


Na assembleia da próxima semana faremos duas votações: a primeira é para decidir sobre a proposta apresentada pela Usiminas e a segunda para definirmos sobre o estado de greve, é importante que você preste atenção ao que isso significa:


Na primeira votação é importante votar NÃO para a proposta da Usiminas pois como já dissemos e todo mundo sabe essa proposta não é de aumento salarial e sim de mais arrocho e o Vale-Alimentação é muito pouco, não dá para chegar nem na metade do mês.


Na segunda votação é importante votar SIM para o estado de greve, pois essa é mais uma forma de pressão para exigir o devido aumento salarial e no V.A.


Votar pelo estado de greve não significa que a partir da assembleia começaremos a paralisação, mas é um aviso para que caso não haja avanço na proposta, a greve poderá acontecer. A greve é um instrumento legítimo dos trabalhadores para garantir suas reivindicações e a aprovação do estado de greve é importante para ampliar a pressão pelo aumento salarial.


PRESTE ATENÇÃO AO MODELO DE CÉDULA E VOTE POR RESPEITO AO SEU TRABALHO: VOTE NÃO PARA A PROPOSTA DA EMPRESA E SIM PELO ESTADO DE GREVE


Você concorda com a proposta da Usiminas de pagar apenas um reajuste salarial de 3,83% que são as perdas medidas pelo INPC e não aumento salarial e um V.A. de R$ 450,00?

( ) NÃO

( ) SIM


Você aprova o Estado de Greve como forma de ampliar a mobilização da Campanha Salarial de 2023?

( ) SIM

( ) NÃO


A CAMPANHA SALARIAL É UM MOMENTO MUITO IMPORTANTE PARA LUTAR CONTRA TANTO ARROCHO SALARIAL, ENTÃO VAMOS JUNTOS E FIRMES GARANTIR NOSSAS REIVINDICAÇÕES


Se engana quem acha que é melhor aceitar a proposta da empresa e encerrar a Campanha Salarial que tem data-base em maio, aceitar a proposta é permitir que a direção da Usiminas imponha mais arrocho salarial.


Já tivemos momentos em que a Campanha Salarial se estendeu por quase o ano inteiro e isso foi necessário para avançarmos na luta pelo reajuste salarial.


Então vamos juntos e firmes darmos mais um passo na nossa mobilização: DIGA NÃO PARA A PROPOSTA DA USIMINAS E SIM PARA O ESTADO DE GREVE.

+ boletins