Lutar por melhores condições de trabalho é lutar em defesa da saúde e da vida da classe trabalhadora

16/05/23

Os patrões lucram cada vez mais explorando a força de trabalho dos trabalhadores, quanto mais o patrão mais se enriquece, mais o trabalhador sofre com o arrocho salarial e as péssimas condições de trabalho que provocam acidentes, doenças e mortes.


Com a ampliação da terceirização e a imposição da reforma trabalhista de 2017, os acidentes e doenças aumentaram ainda mais, ou seja, a terceirização e as reformas não trouxeram mais empregos e melhores condições de trabalho, trouxeram mais desemprego, miséria, adoecimento e morte.


Essa situação não é diferente em nossa categoria; só na Usiminas já são mais de 50 mortes provocadas nos últimos 30 anos e nas demais empresas as condições de trabalho também provocam mais acidentes e adoecimento.


Para enfrentar isso é preciso fortalecer a nossa luta exigindo melhores condições de trabalho e respeito aos direitos.


Todo trabalhador que foi vítima de um acidente ou adoeceu por conta das condições de trabalho tem direito a ter o registro do que aconteceu através da emissão da CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho) e se ficou afastado por mais de 15 dias tem estabilidade de no mínimo 1 ano.


Fique atento e denuncie para o Sindicato os problemas que existem no seu local de trabalho, o sigilo da denúncia é garantido.

+ notícias