NOTÍCIAS

+ notícias

VÍDEOS

+ videos

ARTIGOS

Zé Protesto

Charge do Zé Protesto
WhatsZéProtesto
(13) 98216-0145

“Zé, na Vix os trabalhadores estão sendo obrigados a fazer jornada de 12 horas todos dias e não tem transporte para ir pra casa. E o tempo para chegar em casa demora mais de duas horas, além disso sofremos com assalto nos pontos de ônibus.”

- A Vix está desrespeitando a jornada de trabalho, extrapolou todos os limites das horas extras diárias e está obrigando os trabalhadores a trabalhar numa jornada irregular. E para enfrentar essa situação é preciso colocar a revolta em movimento.

“Zé, a NM está obrigando os trabalhadores a fazer a função de três e os chefetes não param de humilhá-los com o apoio do “Bodão” da Usiminas.”

- Os chefetes que desrespeitam, são os mesmos que não sabem fazer nenhuma das funções triplicadas que os trabalhadores são obrigados a fazer. Contra a pressão e sobrecarga de trabalho é preciso continuar denunciando e se colocar em movimento.”

“Zé, na Enesa o coordenador da manutenção pressiona os trabalhadores obrigando a a trabalhar no sábado e sem hora extra.”

- Além dos trabalhadores serem levados em ônibus lotados sem as devidas condições seguras , desrespeitam a jornada e dão calote nas horas extras e para enfrentar tudo isso é preciso lutar

“Zé, a Usiminas reativou recentemente o restaurante do LTF mas não contratou ninguém na empresa de alimentação, ou seja, as trabalhadoras na SAPORE estão ainda mais sobrecarregadas. Além disso, reativou um restaurante e diminuiu o tempo que eles ficam abertos.”

- Isso é a Usiminas e suas terceirizadas: demitem, sobrecarregam quem ficou no trabalho e piora as condições de trabalho. Sofrem os trabalhadores nas empresas terceirizadas, sofrem os trabalhadores na Usiminas. Para enfrentar esse ataque, o caminho é união de todos os trabalhadores que trabalham na Usiminas.

Ligue (13) 3226-3572 ou por aqui ou pelo WhatsZéProtesto (13) 98216-0145.